A música chama a cidade para os 75 anos do Coliseu

Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música leva à emblemática sala, na noite de 6 de maio, um repertório clássico, mas popular.

Emissão em Direto:

É o grande concerto das comemorações do 75.º aniversário de uma das salas mais emblemáticas do Porto, apresenta um repertório de alcance universal e manifesta a boa cooperação entre instituições culturais da cidade. Tome então nota: no dia 6 de maio, às 21,30 horas, a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música sobe ao palco do Coliseu para, sob a direção do maestro Martin André, interpretar obras de Rossini, Beethoven e Chostakovitch.

“Numa casa que é de todos e para todos”, apresenta-se um programa “muito popular”, com composições “que as pessoas conhecem bem” – salienta o presidente da Associação Amigos do Coliseu do Porto, Eduardo Paz Barroso.

 

A Abertura de Guilherme Tell de Rossini, a Sinfonia n.º 5 de Beethoven e a Sinfonia n.º 15 de Chostakovitch são as peças a interpretar neste concerto de aniversário, o último das três audições do ciclo Trifonia Clássica.

Assinalado em 19 de dezembro, o 75.º aniversário do Coliseu está a merecer uma programação alongada, até ao final do corrente ano. É a celebração justa de uma sala de espetáculos que tem, em si, o caráter do Porto. Esta mesma ideia é-nos dada por Paz Barroso: com os seus 75 anos, o Coliseu “tem a acústica do pensamento contemporâneo, que é afinal o pensamento da cidade”. Tal como ela, é uma instituição “cheia de passado e de futuro”, com “um grande presente feito de novidades, de coisas a acontecer”.

No dia 6 de maio, o mesmo responsável espera ver a “casa cheia. É sempre o melhor presente, a melhor maneira de se cantar os parabéns e celebrar o Coliseu”.

Segue-nos...

Notícias relacionadas

Leave a Comment