Ponte Maria Pia

Ouve a nossa emissão !!
A PONTE MARIA PIA
“As profundas alterações provocadas pela Revolução Industrial atingiram também a arquitectura. A influência da técnica associada à utilização de novos materiais, nomeadamente, o ferro, o aço e outros, acabaram por impor novas soluções arquitectónicas mais ajustadas às características da civilização industrial. No final do século XIX assistiu-se ao triunfo da arquitectura do ferro.
A estrutura metálica revolucionou este tipo de arte, envolvendo novas e mais belas formas nos monumentos em que foi aplicada, entre os quais as pontes sobre o Douro. O Porto é, na Europa, a cidade que mais cedo utiliza a arquitectura de ferro.


A ponte de D. Maria Pia foi uma obra construída “no limite das possibilidades clássicas da construção metálica “. Disse-o, há mais de cem anos, Eiffel, o notável engenheiro francês que, na viragem do século, deu o nome à celebre torre de Paris. Na sua época a Ponte D. Maria Pia foi uma obra de engenharia que deslumbrou portugueses e estrangeiros.

Gustavo Eiffel realizou sobre o Douro um audacioso e criativo trabalho. A construção da Ponte iniciou-se em Janeiro de 1876, concluindo-se em Outubro de 1877. Ocuparam-se 150 operários e utilizaram-se 1.600.000 quilos de ferro. As dimensões exigidas pela largura do rio e das escarpas envolventes, foi considerado o maior vão construído até essa data, aplicando métodos revolucionários para a época. Testes à segurança foram efectuados como o emprego dos meios existentes e essa segurança foi largamente comprovada pela utilização, durante mais de 100 anos, ao serviço do caminho de ferro.

A inauguração em 4 de Novembro de 1877, foi presidida pelo rei D. Luís I e pela Rainha D. Maria Pia, que lhe deu o nome.

Esta Ponte, exclusiva para a ligação ferroviária Lisboa Porto, proporcionou uma maior cultura para o Porto e as suas gentes. Evoluíram os tempos e em 1991, com o aparecimento da nova Ponte de São João, a de D. Maria Pia, foi desactivada.”

Fonte: http://paginas.fe.up.pt/porto-ol/lfp/p_dmaria.html

Segue-nos...

Notícias relacionadas