Fernando Madureira: “A minha carreira é outra, é no FC Porto, nos Super Dragões”

Não foi o adversário mais desejado mas o Moreirense será uma equipa para o Canelas tentar vencer. É pelo menos essa a intenção de Fernando Madureira, capitão da equipa de Vila Nova de Gaia.

Em declarações ao jornal Record, o também líder dos Super Dragões afirmou que preferia ter ficado com o Benfica mas que vai tentar garantir a passagem à próxima fase.

“Não era o clube que nós queríamos e desejávamos, mas é um clube da I Liga. Vai ser um jogo um pouco diferente, vamos respeitar o adversário e, se nos for possível, passar mais uma eliminatória da Taça”, referiu o jogador.

“Estamos na máxima força e não esperamos de facilidades. Eles vão apresentar os seus argumentos, nós os nossos, e se tivermos uma oportunidade de surpreender e de fazer taça, fá-lo-emos.”

No entanto, Madureira não tem ilusões e sabe que o favoritismo está do lado da equipa de Manuel Machado.

“Sabemos das nossas limitações e do poderio do Moreirense, mas o futebol é um desporto em que há sempre três resultados possíveis. Se conseguirmos ser bafejados pela sorte e tudo correr da nossa feição, podemos passar mais uma fase da Taça”, referiu, dizendo que o factor casa será importante.

“Jogar em casa, perante os nossos adeptos, é uma vantagem para nós. Vai ser um fator de motivação para nós”, disse Madureira, que não se preocupa com o eventual reforço do policiamento no jogo, decido à má fama da equipa de Vila Nova de Gaia.

“São fatores externos. Nós queremos é que haja festa dentro e fora do campo, que o estádio esteja cheio e venham ver um bom jogo da Taça”, sublinhou.

Quanto à motivação de jogar contra uma equipa de maior categoria, o capitão do Canelas não tem mais motivação, também porque á tem 42 anos.

“Motivação era ser aquele adversário que eu pedi. Agora para os meus colegas mais jovens, com ambições de chegarem a clubes de outra dimensão, será uma maior motivação. Será uma montra para poderem mostrar o valor. Eu serei o barómetro dentro de campo a gerir essas emoções.
A minha carreira é outra, é no FC Porto, nos Super Dragões, isto é outra coisa para mim”, frisou.

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas