▶️Vídeo: Casal morto em Gaia – Homicida da mulher estava a ser vigiado com pulseira desde julho

Vítima saiu de casa, em Foz Côa, e foi viver com uma irmã, em Vila Nova de Gaia, para fugir aos maus-tratos.

Vítima de violência doméstica, fugiu de Foz Côa, em julho, para se refugiar na casa de uma familiar em Vila Nova de Gaia, mas, na madrugada de quarta-feira, o ex-marido, que o tribunal já obrigara a andar com pulseira eletrónica, foi ao encontro dela, matou-a com um tiro de pistola na nuca e suicidou-se. Os corpos foram encontrados de manhã, dentro de uma carrinha, na zona da praia da Madalena. Nos últimos dias, o dispositivo eletrónico de proteção da mulher não deu qualquer de alarme.

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas