Polémica de plágio: Diogo Piçarra desiste do Festival da Canção

“A toda esta família, informo que decidi terminar a minha participação no Festival da Canção”. Foi através das redes sociais que Diogo Piçarra informou o público da sua decisão: o cantor vai mesmo desistir do Festival da Canção, depois de ter visto o tema que interpretou a ser comparado a uma canção religiosa que também gravada e editada pela IURD (e após ter assumido as semelhanças entre as duas canções). Piçarra tinha sido o favorito do júri e do público mas já não é candidato a suceder Salvador Sobral na Eurovisão.

Com a desistência de Diogo Piçarra, segue para a final a música composta por Aline Frazão e interpretada por Susana Travassos, “Mensageira” — que tinha ficado em oitavo lugar na segunda semifinal do Festival da Canção. Ao Observador, Júlio Isidro, presidente do júri, disse que havia “duas situações a ser equacionadas”: a final realizar-se só com 13 canções ou avançar a canção que tinha ficado e oitavo lugar na segunda semifinal. Entretanto, um comunicado enviado pela RTP confirma que a canção de Aline Frazão vai mesmo substituir a de Diogo Piçarra e assumir o “número 760 100 802 (sorteado para Diogo Piçarra), com a contagem a iniciar-se do zero a partir de agora”.

Independentemente dos argumentos e questões colocadas sobre o tema, a RTP não duvidou em momento nenhum da integridade do artista, cuja carreira já fala por si”, pode ler-se no comunicado.

Júlio Isidro adiantou ainda que não tinha sido “convocado para nenhuma reunião” e tal só deverá acontecer amanhã, quarta-feira. O presidente do júri revelou também ao Observador que “o júri não se envolveu na decisão” da desistência de Diogo Piçarra e esclareceu que só tem a função de “julgar as canções no momento do Festival”. Fernando Martins, o produtor musical que segundo o regulamento zela pela legitimidade das canções em concurso, soube da decisão de Diogo Piçarra pelo Observador: “Não sei de nada, lamento não poder ajudar. Já houve uma decisão, é? Ainda não fui informado de nada, vamos ter de esperar pela RTP”, disse ao telefone com o jornal.

artigo fonte: http://observador.pt/2018/02/27/diogo-picarra-desiste-do-festival-da-cancao-apos-polemica-de-plagio/

Notícias relacionadas