Facebook anuncia ferramenta para encontros amorosos

A rede social Facebook vai apostar numa ferramenta para facilitar encontros amorosos, anunciou o fundador Mark Zuckerberg no evento anual da empresa, em São José, Califórnia.

“Há 200 milhões de pessoas que se declaram como solteiras no Facebook”, justificou Mark Zuckerberg a propósito da nova ferramenta desenvolvida pela rede social e dedicada a encontros amorosos – “Dating on Facebook”.

No primeiro dia do F8 – evento anual da empresa para anunciar novidades e projetos – o fundador do Facebook garantiu que o serviço foi desenvolvido tendo em conta a privacidade e segurança dos utilizadores e explicou que os interessados poderão criar um perfil para conversação entre potenciais parceiros, mas esta “informação” não vai ser visível nos “feeds” dos “amigos”.

O contacto será apenas entre os utilizadores que ativarem aquela função e as conversações serão em mensagens privadas de texto. Será promovido o contacto entre utilizadores da mesma região e com interesses semelhantes – não incluindo os “amigos”. O objetivo é “criar relações reais e de longo prazo”, sublinhou Mark Zuckerberg, prometendo mais novidades em breve.

Apesar de ser uma novidade no Facebook, esta ferramenta é idêntica a outras como o Tinder ou OkCupid, do Match Group, cujas ações caíram mais de 20% em bolsa após o anúncio.

Ainda na rede social, uma outra ferramenta está a ser desenvolvida para permitir que vários amigos assistam a um conteúdo comum – “Watch Party”.

Limpar o histórico

Numa altura em que o Facebook está envolvido no escândalo em torno da divulgação de dados dos utilizadores à empresa britânica Cambridge Analytica, que recolheu informação pessoal de 87 milhões de utilizadores da rede, a empresa tenta reconquistar a confiança do público.

Neste sentido, Mark Zuckerberg indicou que será possível aos utilizadores apagarem o histórico de sites visitados e aplicações usadas. “Quando lançarmos a atualização, poderá ver informação sobre as aplicações e os sites com os quais interagiu, e poderá apagar essa informação da sua conta. Também terá a opção de desligar a recolha dessa informação na sua conta”, explicou.

Óculos de realidade virtual

No F8, que decorre até quarta-feira com a presença de cinco mil participantes, foi anunciado que os óculos de realidade virtual Oculus Go (32GB) já estão à venda por 199 dólares (164 dólares) em 23 países, embora Portugal ainda não esteja incluído. A versão acima (64GB) custa 249 dólares (207 euros).

Messenger com tradução

O Facebook Messenger terá tradução em tempo real, questionando automaticamente o utilizador se pretende que a mensagem seja traduzida quando deteta um idioma diferente daquele que definiu. Para já começa nos Estados Unidos para conteúdos em inglês e espanhol.

Apps

O Instagram terá a possibilidade de realizar videochamadas e efeitos de realidade aumentada. O WhatsApp irá ter chamadas de vídeo em grupo, além de “stickers” (figuras animadas).

Notícias relacionadas