GAIA: Duas pessoas morrem atropeladas

Um homem de 50 anos e uma mulher de 40 anos morreram atropelados, este sábado de manhã, na Estrada Nacional 1, em Argoncilhe, Feira, na fronteira com Grijó, Gaia.

As vítimas mortais foram colhidas por um veículo de mercadorias, junto ao restaurante O Cantinho. O alerta foi dado às 8.24 horas. O condutor da carrinha, que ficou em estado grave, despistou-se, chocou contra um automóvel que estava estacionado e atropelou o homem e a mulher, na berma da estrada.

O homem que morreu, Alberto Sousa, tinha acabado de vir da padaria e deslocava-se para o local de trabalho, a Casa das Chaves, estabelecimento do qual era proprietário e que fica perto do local do acidente. A vítima deixa dois filhos.

A mulher, de 40 anos, vivia a cerca de 100 metros do local onde foi atropelada e onde costumava fazer caminhadas. O corpo da professora do ensino especial foi descoberto mais tarde, uma vez que ficou debaixo de uma das viaturas acidentadas. Só após a remoção do carro, foi encontrado o cadáver.

O ferido, condutor da carrinha, foi transportado para o Hospital Santos Silva, em Gaia.

Cerca das 12.30 horas, o trânsito tinha sido regularizado.

Ao local, acorreram os Sapadores de Gaia, os Bombeiros dos Carvalhos, os Bombeiros de Lourosa, a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Gaia e a GNR. Estiveram ainda várias equipas de psicólogos a dar apoio à família das vítimas.

 

Notícias relacionadas