PORTO: Foram fazer queixa de um assalto, mas acabam detidos…

Dois amigos, de 20 e 35 anos, acabaram detidos pela Polícia Judiciária do Porto depois de terem apresentado queixa contra três homens. Simularam terem sido assaltados e ameaçados com uma arma de fogo quando se encontravam na cidade Invicta.

Mas, em poucas horas, os inspetores desmontaram a história e perceberam que tudo não passava de uma invenção para se vingarem de um negócio com droga que lhes correu mal. Os arguidos assaltaram uma casa em Lamego, concelho onde residem, na passada segunda-feira. Roubaram uma carabina e várias munições e dirigiram-se para o Porto com o objetivo de trocar a arma por droga. Mas os traficantes enganaram a dupla – um ajudante de armazém e cozinheiro – e entregaram-lhes pacotes de farinha.

Quando perceberam que tinham sido enganados, os ladrões procuraram a PJ para se vingarem. Relataram terem sido assaltados, ameaçados de morte e terem ficado sem cerca de 300 euros e os cartões de débito.

Porém, devido às contradições, acabaram por admitir que queriam vingar-se. Foram detidos por vários crimes.

PORMENORES

Ouvidos hoje em tribunal

Os dois denunciantes ficaram detidos nos calabouços da Judiciária do Porto e serão ouvidos por um juiz, em primeiro interrogatório durante o dia de hoje. Já os três denunciados foram também constituídos arguidos.

Vários crimes em causa

Os dois amigos, ambos toxicodependentes, estão indiciados por furto qualificado, tráfico e mediação de armas e simulação do crime de roubo.

Admitiram terem sido enganados pelos traficantes e indicaram a identidade dos três envolvidos. A arma não foi recuperada.

artigo CM

Notícias relacionadas