Tertúlias sobre sexualidade no Porto: “Piropos: Sedução ou Insulto?”

23 de novembro às 19h30, no Invictus Café Bar, com chancela do ErosPorto

“Piropos: Sedução ou Insulto?” inaugura tertúlias sobre sexualidade no Porto

 

 Promover a reflexão e o debate sobre assuntos relacionados com a sexualidade é o objetivo das tertúlias SEX(y)TALK, organizadas pelo ErosPorto – Salão Erótico do Porto e que vão decorrer regularmente na cidade Invicta. “Piropos: Sedução ou Insulto?” é o tema da primeira edição que tem lugar já no próximo dia 23 de outubro, pelas 19h30, no Invictus Café Bar.

 

O ErosPorto, o único evento erótico em Portugal, que se realiza anualmente na Exponor, vai passar a estar mais perto do público durante todo o ano, com o lançamento já este mês das tertúlias SEX(y)TALK. Este é um formato que, em cada edição, desafia dois convidados a debaterem com o público temas relacionados com a sexualidade e os relacionamentos, de forma aberta e sem tabus.

O Salão Erótico do Porto tem sido pioneiro, nos últimos 11 anos, na introdução de temas essenciais para a vida sexual e comportamental dos portugueses. Segundo Juli Simón, diretor do ErosPorto, “com o lançamento destas tertúlias pretendemos, agora também durante todo o ano, não só disponibilizar mais informação ao nosso público, como promover o debate e a sensibilização, permitindo a melhoria das relações e uma opinião informada sobre cada tema”.

“Piropos: Sedução ou Insulto?” é o tema da primeira edição das SEX(y)TALK que tem como convidados Carolina Marcello, co-organizadora da SlutWalk – Marcha das Galdérias – uma marcha anual contra o assédio, violência sexual e culpabilização das vítimas, que defende o direito das mulheres andarem na rua sem serem assediadas – e de Peter Castro, produtor de eventos. A moderação está a cargo de Aline Castelo Branco, sexóloga, youtuber, jornalista e apresentadora de televisão, que recentemente conduziu no Canal Q o programa sobre Educação Sexual “Pela Fechadura”.

Este não é um tema consensual na sociedade portuguesa e, por isso, não ficou, nem ficará resolvido com alterações legislativas, como a que teve lugar há três anos com a chamada “lei do piropo”, explica Aline Castelo Branco. Segundo a sexóloga, “precisamos de consciencializar as pessoas do que é ou não consentido. Mudar comportamentos requer a construção de um diálogo entre homens e mulheres sobre os limites à sedução e o direito que assiste a cada um de não ser importunado. É isso que nos propomos nesta primeira tertúlia.

A SEX(y)TALK “Piropos: Sedução ou Insulto?”, que se realiza no dia 23 de novembro, entre as 19h30 e as 21h00, no Invictus Café Bar, na Rua da Conceição, 80, lojas 8/9 (Porto), tem entrada gratuita limitada à capacidade do espaço, pelo que requer inscrição prévia no site.

Clica na imagem abaixo para te inscreveres:

 

http://www.erosporto.com/sextalk/

Notícias relacionadas