Ponte aérea Porto-Lisboa da TAP passa a ser feita com aviões a jato

TAP Air Portugal tem novidades na Ponte Aérea diária entre Lisboa e o Porto. Depois de anunciarum aumento de aviões e voos diários nesta operação, a companhia decidiu passar a fazer todas estas ligações com aviões a jato da família Airbus, o que permitirá aumentar o número de assentos disponíveis para os 220 mil por ano: são mais 50% do que os disponíveis neste momento.

Segundo a companhia aérea portuguesa, esta mudança, em vigor a partir de janeiro do próximo ano, pretende dar uma resposta mais eficaz à procura que a Ponte Aérea tem tido desde o seu lançamento, em 2016, sempre com elevadas taxas de ocupação. A companhia passa a voar com 13 voos diários, de hora a hora durante o período de maior procura, e com mais lugares.

Os aviões da Airbus têm também a possibilidade de ficar estacionados em manga, o que torna mais ágil e rápido o embarque e desembarque dos passageiros.

“A operação fica assim mais eficiente, nomeadamente no Aeroporto de Lisboa, face aos constrangimentos existentes”, explica a TAP. O transporte de bagagem também será facilitado com os aviões a jato, o que traz benefícios sobretudo para passageiros em trânsito para voos internacionais.

A empresa tem apostado na reorganização desta ponte e já no final de outubro aumentou o número de frequências diárias, introduziu mais um avião na frota e fez alterações nos horários. Com tudo isto, a pontualidade tem vindo a melhorar, garante a TAP, mas espera-se que o rigor ainda suba em janeiro, com a passagem para os Airbus.

A Ponte Aérea já alcançou os dois milhões de passageiros transportados desde o seu lançamento. Atualmente, os voos para o início do próximo ano, rondam os 36€, ida e volta.

Segue-nos e partilha:
error

Notícias relacionadas