Vendiam droga e telemóveis falsos junto à Estação de São Bento

PSP identificou rede de 15 suspeitos por burla concertada e tráfico de drogas e de drogas falsas dirigido a turistas estrangeiros.

Agiam de modo concertado, na zona da Estação de São Bento, no centro do Porto. Aliciavam turistas com telemóveis topo de gama a preços de ocasião e com haxixe e liamba de “qualidade”.

Na realidade, a dezena e meia de burlões vendia placas de azulejo numa bolsa e louro prensado e chá. Na tarde de terça-feira, a PSP intercetou-os e estragou o esquema.

Foram identificados 14 homens e uma mulher, com idades entre os 30 e os 52 anos, residentes no Porto. Na operação dos agentes da Esquadra de Intervenção e Fiscalização Policial da 1.ª Divisão e com a colaboração da Divisão de Investigação Criminal, foram apreendidos dois telemóveis furtados, quatro doses individuais de liamba, 199 gramas de produto inconclusivo suspeito de ser liamba, 58 gramas de produto inconclusivo suspeito de ser haxixe e um pedaço de cerâmica no formato de telemóvel.

Em comunicado a PSP refere que os suspeitos estão referenciados “pela prática concertada de ilícitos relacionados com a venda direta de produtos estupefacientes, pela venda de louro prensado ou chá por estupefacientes denominados haxixe ou liamba, bem como por andarem a burlar pessoas, vendendo placas de azulejo dentro de bolsas como se de telemóveis se tratassem.

artigo fonte: Jornal de Noticias

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas