Metro do Porto volta a funcionar a 95% e uso de máscara é obrigatório

A partir de hoje o Metro do Porto vai começar a prestar uma oferta de 95 por cento. A garantia foi dada pelo presidente da empresa, Tiago Braga, ao “JN“. “Vai disponibilizar 50 mil lugares em hora de ponta“, disse.

Segundo a mesma publicação, as carruagens vão ser duplas e o serviço será reforçado em horas de ponta. Vão estar em circulação 81 veículos e a lotação máxima será de dois terços. Tal como tem acontecido nos últimos meses, as portas vão abrir com sistema automático — passa novamente a ser obrigatório a validação dos títulos de transporte.

Os terminais vão ser desinfetados várias vezes por dia e haverá um aumento de cinco piquetes para a higienização. Em todas as estações, os utentes vão ter acesso a dispensadores de álcool-gel. As 30 marcas de vending do Metro do Porto vão vender máscaras (1,50€); luvas (50 cêntimos); e gel (2€). Diz o “JN” que na fiscalização vão estar 150 profissionais, entre segurança e agentes da PSP a quem cabe intervir e multar sempre que ocorram infrações.

Foto Pedro Correia/global Imagens

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas