Cartaz Cultural da cidade do Porto – Semana 12 a 19 de outubro

Todas as semanas o Cartaz Cultural do Porto apresenta-lhe os eventos culturais a decorrer na cidade. Desde peças de teatro, a concertos ou até mesmo estreias nos cinemas, aqui encontra tudo o que precisa. Esta semana, começamos com:

  • dia 12 de outubro apresenta “Eu programo um festival de cinema!” – em parceria com Indie Júnior Alliaz 2021.
    Local: Rivoli
    Datas: 12/10 até janeiro de 2021
    Destinatários: professores e alunos e, também, os amantes de cinema. Poderão estar presentes 4 grupos escolares, um a representar cada um dos ciclos e outro a representar o secundário.
    Preço: atividade gratuita mediante inscrição, que pode ser feita através do seguinte endereço eletrónico – paralelo.tmp@agoraporto.pt

Ora, neste evento os participantes são convidados a participar ativamente na criação de um programa de curtas metragens, para a 5ª edição do Indie Junior Allianz – festival internacional do cinema infantil e juvenil do Porto. A atividade será conduzida por um professor, representante de cada escola, juntamente com a equipa do festival. As turmas terão oportunidade de realizar um conjunto de oficinas práticas sobre o cinema. O grupo de alunos criará, ainda, um programa de curtas metragens que será visto por todos. 


  • 13/10 – 17/10 – “Queer Porto 6 festival”
    Local: Rivoli / pequeno auditório
    Horário: vários horários.
    Preço: 3,50 euros. 

A 6ª edição do Queer Porto – Festival Internacional do cinema queer está de volta ao teatro rivoli, apresentando uma variada programação do que melhor se faz no panorama mundial deste género cinematográfico.

  • 14/10 – “Lições de Voo”
    Local – Teatro Carlos Alberto
    Horário: 19 horas
    Duração: 45 minutos
    Classificação: M/3

    Este é um evento está disponível graças à 31ª edição do festival internacional de marionetas do Porto. Lições de voo conduz-nos a um lugar de ficção, o deserto Abu, onde vive gente que se parece com aviões e aeroplanos que se confundem com pessoas. 

  • 15/10 – Teatro forno de Carlos Guedes, uma coisa longínqua
    Local: Teatro Carlos Alberto:
    Horário: 21 horas
    Duração: 50 minutos
    Preço: 9 euros
    Classificação: M/12

Esta é uma nova criação de uma espécie de poesia épica que celebra ou documenta uma linguagem abstrata de um grupo de objetos em busca de um outro lugar ou novos modos de existir. As aventuras e desventuras destas identidades enigmáticas são reveladas na forma de um filme, parcialmente rodado e projetado ao vivo. 

  • O convento de S. Francisco acolhe, no mesmo dia, “Castro”
    Horário: 21h30
    Duração: 2 horas
    Classificação: M/12
    Legendas em Inglês



  • 15/10 – “Black water: abismo”, um filme da distribuidora Cinemundo. 

No interior profundo das florestas da Austrália, um grupo de amigos explora um remoto sistema de cavernas, quando é atingido por uma tempestade tropical. À medida que o nível de água sobe, deixando-os presos, muito abaixo da superfície, algo ainda mais mortal emerge na escuridão – um enorme crocodilo assassino. Para saber se este grupo se irá safar ou não, tem de ver este filme. 

  • Também o filme “I Am Woman: a voz da mudança” tem estreia nos cinemas no dia 15 de outubro.
    Este é um filme que retrata a história de Helen Reddy, que decide mudar-se para Nova Iorque com a filha de 3 anos, uma mala e apenas 230 dólares. Tinham-lhe dito que ganhará um contrato de gravação, porém a editora destrói-lhe prontamente as esperanças, dizendo-lhe que não precisa de mais cantoras femininas e aconselhando-a a divertir-se em NY antes de voltar à Austrália. Sem visto, Helen opta por ficar em Nova Iorque, para tentar lançar uma carreira de cantora. Mal conseguindo pagar as contas e sustentar a filha, faz amizade com a lendária jornalista de rock Lillian Roxon, que se torna a sua melhor amiga e inspira-a a cantar a música “I Am a Woman”. Esta acaba por se revelar um hino para o movimento femininista que estimula uma geração de mulheres a lutar pela mudança. 

  • Para os mais novos “O Mundo secreto das dragões”.
    Drago, um jovem dragão prateado, está cansado de viver escondido e quer mostrar à geração mais velha que é um verdadeiro dragão. Agora que os humanos estão a ameaçar destruir o último refúgio da sua espécie, Drago parte secretamente numa aventura, com a sua fiel amiga Surrel, em busca da Orla do Céu, um local mítico e um misterioso santuário secreto para Dragões, onde poderão viver em paz sem serem ameaçados pela espécie humana. Durante esta aventura, Drago faz amizade com Ben, um órfão que vive nas ruas e afirma ser um cavaleiro de Dragões. Porém, Surrel desconfia cada vez mais do novo elemento do grupo e tenta livrar-se dele a cada oportunidade. O imparável trio terá de aprender a trabalhar em conjunto, pois há alguém que os persegue: o impiedoso Espião Dourado, um terrível monstro devorador de Dragões, criado por um alquimista, cujo único propósito é o de perseguir e destruir os dragões da Terra. 

  • “O Sal das lágrimas”, estreia dia 15 de outubro.
    Trata-se das primeiras conquistas de um jovem e da sua paixão pelo seu pai. Esta é a história de um jovem da província, Luc, que vai a Paris para se candidatar à Escola Boulle. Luc acaba por encontrar Djemila, com quem vive uma aventura. De regresso à casa do pai, reencontra a ex-namorada Geneviéve com quem se acaba por envolver, enquanto Djemila alimenta a esperança de o rever, Quando recebe a notícia de que foi aceite na escola, Luc parte para Paris, deixando para trás a namorada, que descobre estar grávida.

  • Ainda dia 15/10 – “Os veterinários”
    Uma história que acontece no coração de Morvan, onde Nico, o último veterinário local, luta para salvar os seus pacientes, clínica e família. Quando Michel, o seu sócio e mentor, lhe anuncia que se vai reformar, Nico sabe que o mais difícil ainda está para vir. Michel acaba por conseguir uma substituta para si, mas está substituta é Alexandra, acabada de se licenciar e nada disposta a volta à aldeia da sua infância. Conseguirá Nico fazê-la ficar?

  • 16/10 – “Ainhoa Vidal Lilliput”
    Local: Teatro Carlos Alberto.
    Horário: 16/10 – 10h30 e 15h
    17/10 – 16 horas
    18/10 – 16 horas
    Preço: 2,50 euros (crianças e grupos escolares) e 7 euros (Adultos)

  • 16/10 – “Desconcerto”
    Local: Coliseu do Porto Ageas
    Horário: 16/10 – 21h30
    17/10 – 16h e 21h30
    18/10 – 16h e 21h30
    19/10 – 21h30
    Duração: 1h30
    Abertura portas: 1h antes de cada sessão
    Classificação: M/6
    Preço: Cadeira orquestra – 40 euros
    1ª plateia – 35 euros
    2ª plateia e tribuna – 30 euros
    Camarote de 1ª (6 lugares) – 180 euros
    Camarote de 2ª (6 lugares) – 90 euros
    Frisa (6 lugares) – 150 euros
    Balão popular – 25 euros
    Galeria – 20 euros
    Geral – 15 euros
    (Todos os bilhetes já adquiridos devem ser trocados, no mesmo lugar de compra, para uma das 6 sessões disponíveis, de acordo com a disponibilidade da sala)
     

O que acontece quando 3 amigos, como César Mourão, António Zambujo e Miguel Araújo decidem ir de férias para o Algarve? Conversa puxa conversa, guitarra puxa guitarra, improviso gera improviso. Sendo fãs uns dos outros há muito tempo, quando deram por ela, estavam a criar e a improvisar canções sem conjunto, sem qualquer outra intenção que não fosse divertirem-se. As boas memórias desses dias levaram-nos a querer partilhar com o público esses momentos de cumplicidade. Decidiram, então, convidar Luísa Sobral, ela própria uma improvisadora muito peculiar. 

  • 17/10 – “Masterclass com Gwendoline Robin. No âmbito da cratera 6899”
    Local: Rivoli
    Horário: 10h30 e 12h30 no Rivoli.
    Destinatários: estudantes de belas-artes e cenografia, cenográficos, artistas plásticos e performers.
    Preço – participação é gratuita e pode fazer a inscrição através do endereço paralelo.tmp@agoraporto.pt

  • 17/10 – “Filipe Moreira e Lola Sousa com Fibra”
    Local: Rivoli
    Horário: 17/10 – 19h
    18h10 – 17h
    Preço – 9 euros
    Duração – 45 minutos
    Classificação – M/16

    Este é um projeto vencedor da 4ª edição da Bolsa de criação Isabel Alves Costa. Tem como génese as potencialidades plásticas do figurino, assumindo-o como protagonista e como ponto de partida para a criação crónica. 

  • 17/10 – “Mártir”
    Local – o Teatro Carlos Alberto
    Horário – 17/10 – 21h
    18/10 – 16h
    Duração – 1h40
    Classificação – M/12

  • 18/10 “Gwendoline Robin, cratera 6899”
    Local – Rivoli
    Horário – 18 horas
    Preço – 7 euros
    Duração – 30 minutos

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas