Covid-19. Comerciante detido no Porto por desobediência ao dever de confinamento

Um homem de 48 anos, comerciante e residente no Porto, foi detido pela PSP por desobediência ao dever de confinamento obrigatório no domicílio decretado pela Autoridade de Saúde Pública devido à covid-19, informou esta quinta-feira aquela força policial. Em comunicado, o Comando Metropolitano do Porto da PSP esclarece que a detenção aconteceu depois de uma denúncia de que o homem “estaria a caminhar na via pública, em desobediência ao dever de confinamento obrigatório no domicílio, decretado por Autoridade de Saúde Pública”. O detido circulava na quarta-feira, pelas 16h30 na Rua…

Ler mais