Jovem detido pela PJ por roubo e burla informática cometidos na Póvoa de Varzim

Um jovem, de 20 anos, foi detido por roubo, com recurso a arma de fogo, e burla informática, crimes cometidos em março deste ano, na Póvoa de Varzim, distrito do Porto, anunciou esta sexta-feira a Polícia Judiciária (PJ).

“Os factos ocorreram no final do mês de março, na Póvoa de Varzim, local para onde o ofendido foi atraído para um encontro com um elemento do género feminino. Nesta cidade, ainda no interior do seu veículo, foi surpreendido por diversos comparticipantes que, agindo de forma violenta, incluindo utilização de armas de fogo, apropriaram-se de bens e dinheiro que o ofendido detinha”, explica a PJ, em comunicado.

Dois dias depois, acrescenta a PJ da Diretoria do Norte, “na posse do aparelho telemóvel do ofendido, o autor detido logrou aceder à sua conta bancária, pela via informática, e apropriou-se da integralidade do dinheiro que estava à ordem na conta visada”.

O detido, empregado da restauração, residente na área de Vila do Conde, está já referenciado pelas autoridades policiais por crimes contra a propriedade.

Presente a primeiro interrogatório judicial foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

FONTE: LUSA

IMAGEM: CM

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas