António Costa admite restrições mais apertadas a partir da próxima semana

O Governo admite endurecer as medidas de restrição à circulação a partir da próxima semana. Na conferência que se seguiu ao Conselho de Ministros desta quinta-feira, o primeiro-ministro, António Costa, afirmou que está em cima da mesa aplicar o recolher obrigatório e o impedimento à circulação entre concelhos aos dias de semana. 

“Muito provavelmente teremos de adotar medidas de restrição mais elevadas, como tem vindo a acontecer na generalidade dos países da Europa”, reconheu o primeiro-ministro. 

O “passo em frente” nas restrições “significa estender à semana” as medidas atualmente em vigor apenas aos fins de semana, sendo possível, em função da evolução da pandemia, o regresso a um “confinamento mais geral, do tipo que adotámos em março passado”. De fora deverão ficar, no entanto, as escolas, adiantou António Costa. 

Notícias relacionadas