Será possível separar a Arte do Artista? (Com GUDO) | PodLetras #6

O lançamento do mais recente episódio do PodLetras marca a primeira colaboração entre o Núcleo de Estudantes de Português da Universidade do Porto (NEP-UP) e o Grupo Universitário de Debates e Opiniões (GUDO), uma organização flupiana que mantém viva a tradição do debate académico amigável, segundo o formato de Oxford. Este modelo pressupõe comentários introdutórios de ambas as partes, seguidos pelos argumentos contra e a favor, sem embargo à refutação do adversário e alegações finais.

Os membros do GUDO foram convidados, nesta edição, a debater sobre o mote “Será possível separar a Arte do Artista”, um tema de crescente interesse na sociedade actual e particularmente relevante para os estudantes de literatura que se vêm confrontados com diversas perspetivas teóricas sobre como uma obra deve ou não ser lida, qual é a influência da biografia do autor, do contexto histórico em que se insere, etc. A favor da moção arguiu André Veiga, David Pires arguiu contra e o debate durou cerca de 45 minutos.

Discutiu-se a diluição da barreira entre a esfera pessoal e a esfera pública com o crescimento das redes sociais e da cultura de vedetas, assim como a cancel culture e a ditadura do politicamente correto. Citaram-se exemplos literários, musicais e cinematográficos de vários períodos e correntes históricas de maneira a ilustrar os argumentos propostos, provando a natureza já secular do tema.

Notícias relacionadas