Homem é detido por violência doméstica

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel, na passada quinta-feira, dia 25 de fevereiro, deteve um homem de 45 anos por violência doméstica, no concelho de Penafiel.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito, após o fim do casamento de dez anos que manteve com a vítima, sua ex-companheira de 44 anos, continuou a partilhar a habitação com esta e com a filha de ambos, de 15 anos.

O agressor dirigia-lhes de forma reiterada injúrias e ameaças de morte, mencionando que iria comprar uma arma de fogo para lhes pôr termo à vida, motivo que culminou no cumprimento de um mandado de detenção.

O detido foi presente no dia 26 de fevereiro, a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Penafiel, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contactar as vítimas por qualquer forma ou meio e proibição de permanecer ou frequentar a habitação num raio de 500 metros, controlado por pulseira eletrónica.

Notícias relacionadas