Nove detidos por roubos com armas no Porto

A PSP deteve nove homens suspeitos de roubar com “grande violência” e com recurso a armas brancas e de fogo pessoas no centro do Porto. Os alegados assaltantes têm entre os 18 e 26 anos, não têm atividades profissionais conhecidas e são residentes no Porto e em Vila Nova de Gaia, adiantou a PSP em comunicado.

Os detidos são suspeitos da “prática reiterada e em comunhão de esforços” de roubos de “grande violência” e com recurso a armas brancas.

No decorrer da investigação, que durava há cerca de dois anos, a polícia apurou que, em algumas situações, as vítimas tiveram de receber tratamento hospitalar devido aos ferimentos provocados com as armas brancas.

Na sequência da ação policial, que decorreu na quarta-feira e resultou na detenção destes nove homens, foram realizadas 11 buscas domiciliárias no Porto e em Vila Nova de Gaia.

Assim, a PSP apreendeu uma espingarda, duas armas de pressão de ar, seis armas brancas, diversas munições, computadores portáteis, telemóveis, peças em ouro, droga e 1.365 euros. Mais ainda, confiscou objetos utilizados nos roubos.

Notícias relacionadas