Rotura em conduta de água na Circunvalação vai condicionar abastecimento durante algumas horas

Uma rotura numa conduta de água principal ocorrida, na noite passada, na Estrada da Circunvalação, junto à Rotunda da AEP, vai provocar alguns constrangimentos no abastecimento de água entre as 20 horas desta quinta-feira, dia 8 de abril, e as 8 horas de sexta-feira, dia 9.

A Águas e Energia do Porto está no terreno juntamente com as entidades parceiras a resolver a situação, que ficará totalmente solucionada na sexta-feira de manhã.

A empresa municipal informa que os clientes vão sentir alterações ao normal fornecimento de água apenas no período supra indicado, como redução dos níveis de pressão e falta de água, prevendo-se a maior incidência nos seguintes locais:

  • Zona industrial – Rua de Manuel Pinto de Azevedo, Rua do Eng. Ferreira Dias, Rua de Delfim Maia, Rua de Ezequiel Campos, Avenida Fontes Pereira de Melo, e arruamentos circundantes;
  • Bairro do Viso;
  • Zona de Aldoar – Bairro de Aldoar, Rua de Álvaro Rodrigues, Rua de Soeiro Mendes, Rua de Vila Nova, e arruamentos circundantes;
  • Zona da Fonte da Moura – Bairro da Fonte da Moura, Rua de Jornal de Notícias, Rua de Martim Moniz, Rua da Vilarinha, Rua de Pedro de Sousa, Rua da Preciosa, Avenida Dr. Antunes Guimarães, Bairro de Amarante, Avenida Vasco da Gama, Rua de Carlos Dubini, Rua de Mota Pinto, Rua de Pinheiro Manso, Avenida do Parque, Rua do Fez, Rua de Pinho Leal, e arruamentos circundantes;
  • Zona de Nevogilde e superior da Foz – Rua de Nevogilde, Rua de Corte Real, Rua do Crasto (topo), Rua do Molhe (topo), Praça do Império, e arruamentos circundantes;
  • Zona de Serralves – Avenida Marechal Gomes da Costa, Rua de João de Barros, Rua de Bartolomeu Velho, Rua de Diogo Botelho, Rua de André Resende, e arruamentos circundantes.

“A Águas e Energia do Porto pede a compreensão de todos os clientes afetados, salientando que as alterações previstas ao abastecimento de água não são programadas e decorrem de uma avaria de grande dimensão totalmente imprevisível”, refere a empresa municipal.

“Estamos a desenvolver todos os esforços possíveis para suprimir os impactos ao funcionamento regular do sistema de abastecimento de água da cidade”, conclui.

Notícias relacionadas