Abandonar carros na rua em Gondomar custará no mínimo 500 euros

A câmara de Gondomar encontra-se a preparar a criação de uma coima própria no regulamento municipal, em que o valor mínimo será de 500 euros, sendo aplicada quando o carro for abandonado na via pública ou em jardins.

No ano de 2021 e até ao mês passado foram sinalizadas 256 viaturas pela policia municipal por se encontrarem abandonadas. De todas as viaturas, 52 foram removidas após diligencias junto dos proprietários e apenas uma foi recuperada. As restantes foram para a sucata.

Um processo “tão longo”, segundo o presidente da Autarquia, Marco Martins, que fez com que o Executivo avançasse agora para esta medida “pedagógica”.

O município verifica que muitos dos condutores que abandonam as viaturas em Gondomar são de concelhos vizinhos, como de Valongo, Maia e Porto, porque sabem que aqui, ao contrário de outros concelhos com regulamentação própria, até agora só se multava por estacionamento abusivo e imputava-se custos após a remoção da viatura.

Na reunião do Executivo de Gondomar será hoje votada a proposta de uma linha de apoio especial e extraordinária a favor do Movimento Associativo do concelho.

Além do valor anual de um milhão de euros que é distribuído pelas cerca de 240 associações do concelho, a Autarquia prepara-se para reforçar com mais meio milhão estas mesmas instituições. Só serão abrangidas associações sociais, desportivas, culturais e recreativas que sob compromisso de honra não encerrem atividade até final de 2021. A Câmara espera que as instituições “possam ultrapassar esta fase pandémica”, nomeadamente com o pagamento das despesas fixas, como salários e rendas.

Fonte: JN

Notícias relacionadas