Mais de 70 quilos de polvo subdimensionado foi apreendido na lota de Matosinhos

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR, através do Destacamento de Controlo Costeiro de Matosinhos, apreendeu cerca de 74 quilogramas de polvo subdimensionado, na lota de Matosinhos.

A apreensão do polvo “Octopus vulgaris” ocorreu na passada segunda feira, no âmbito de uma “ação de fiscalização realizada com o objetivo de verificar o cumprimento das regras relativas à captura, desembarque, transporte, comercialização e regime de primeira venda”.

As autoridades fiscalizaram uma viatura onde verificaram que o polvo transportado que não possuía o peso mínimo regulamentar para a captura e respetiva venda.

No seguimento desta ação policial foi levantado um auto de contraordenação, tendo sido identificado um homem de 52 anos, condutor da viatura e mestre da embarcação. Esta infração é punível com coima até 37 500 euros.

O polvo subdimensionado apreendido, após exame higiossanitário, foi doado a duas instituições de solidariedade social.

A GNR salienta que a prática de uma pesca sustentável, que respeite a natureza e a integridade dos ecossistemas, contribui para a conservação das unidades populacionais de peixes e, ao mesmo tempo, para a criação de condições de prosperidade e emprego no setor das pescas.

Notícias relacionadas