Incêndio consumiu toneladas de roupa num armazém da Cruz Vermelha em Gaia

Um incêndio num armazém de roupa da Cruz Vermelha, em Vila Nova de Gaia, Porto, destruiu hoje de madrugada “toneladas de roupa”, disse à Lusa fonte dos Bombeiros Sapadores.

De acordo com a fonte, o alerta foi dado cerca da 01:50, mantendo-se, pelas 07:15, no local 38 operacionais e 12 viaturas dos Sapadores e Voluntários de Coimbrões.

“Ainda decorrem trabalhos de remoção dos detritos na cave e subcave do edifício”, disse a fonte, referindo tratar-se de “uma operação demorada, uma vez que são toneladas de roupa”.

As causas do incêndio, que ficou confinado ao armazém, ainda não são conhecidas.

Notícias relacionadas