Detido homem que ateou incêndio que matou 73 cães em canil

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem de 29 anos com antecedentes criminais suspeito de atear fogos numa zona florestal, mas onde estão localizadas “inúmeras” empresas e casas de Valongo e Baltar, revelou hoje aquela força policial. Em comunicado a PJ recorda, a propósito desta detenção, que tem sido “noticiado o caso do incêndio que vitimou dezenas de animais, num abrigo em Agrela [concelho de] Santo Tirso”, o qual “teve origem em Valongo. “Pelo que a imputação de também esta ignição está a ser avaliada pela investigação”, lê-se no comunicado…

Ler mais