Detido suspeito que provocou incêndio na Rua Cidade do Porto

Um homem de 49 anos foi detido pela Polícia Judiciária suspeito de ter pegado fogo a uma moradia devoluta na Rua Cidade do Porto, na Póvoa de Varzim.

De acordo com comunicado enviado às redações, o suspeito sofre de “num aparente quadro de desequilíbrio mental, consumo de estupefacientes e álcool e frequente conflitualidade”.

O fogo foi provocado, com recurso a um isqueiro, no dia 30 de julho numa habitação onde o homem já tinha pernoitado. Em causa estará uma discussão com outros ocupantes clandestinos da moradia.

“[O incêndio foi provocado] após um episódio de tentativa de furto no interior da mesma e discussão com outros indigentes que clandestinamente ocupam a casa e dali o haviam expulsado”, lê-se no comunicado.

O interior da moradia ficou seriamente destruído e caso os bombeiros não estivessem por perto a destruição seria completa. “Para além de afetar consideravelmente a habitação, o incêndio colocou em perigo as habitações confinantes”, descrevem as autoridades.

Notícias relacionadas