Comunidade Judaica do Porto e Sociedade Histórica celebram protocolo de amizade

A Comunidade Judaica do Porto e a Sociedade Histórica da Independência de Portugal anunciaram a celebração um protocolo de parceria, amizade e cooperação, ficando estabelecido que se realizará um encontro anual, rotativamente, no Porto e em Lisboa.

Enquanto a Sociedade Histórica prossegue fins de educação e cultura, cuidando da defesa da independência e da identidade de Portugal na sua universalidade, a Comunidade Judaica do Porto tem como fins, entre outros, a promoção da história e da cultura judaicas.

A vice-presidente da Direção da Sociedade Histórica, a historiadora Ana Leal de Faria, que assina o protocolo juntamente com o presidente, o advogado e ex-dirigente político José Ribeiro e Castro, explica: “O primeiro encontro entre delegações está previsto realizar-se no Museu Judaico do Porto, no próximo mês de maio, num dia que pensamos ser de reencontro dos valores da portugalidade.”

Por sua vez, a vice-presidente da Direção da Comunidade Judaica do Porto, Isabel Lopes, que assinou o protocolo juntamente com o Chefe-Rabino da cidade, Daniel Litvak, diz: “Quando o rabi D. Yahia Ben Yaish combateu ao lado de D. Afonso Henriques – ao serviço do qual terá morrido – por todo o território já se estendiam, desde longa data, comunidades judaicas”.

Notícias relacionadas