Câmara do Porto vai vedar divertimentos em recintos

O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, revelou hoje que os três locais da cidade onde, entre 21 de maio e 30 de junho, estarão instalados equipamentos de diversão vão ser vedados, sendo as entradas e saídas controladas através de pórticos.

Foi hoje aprovado por unanimidade uma proposta de apoio ao setor das diversões itinerantes, isentando os empresários do pagamento de taxas e licenciamento, no valor 155 mil euros, e garantindo o policiamento e infraestruturação elétrica, até 30 mil euros, em três espaços: Rotunda Boavista, Fontainhas e Lordelo do Ouro, no período de 21 maio a 30 de junho.

Rui Moreira revelou que os espaços vão ser fechados com “grades” , sendo instalados pórticos de entradas e saídas, para controlar as entradas.

Salientando que o investimento na segurança dos recintos é o grande investimento que a autarquia se propõe fazer neste caso, o autarca indicou ainda que o plano de contingência para estes três locais já foi enviado à Direção-Geral da Saúde (DGS)

Notícias relacionadas