Trabalhadores da refinaria em Matosinhos enfrentam despedimento coletivo

A Galp decidiu concentrar todo o trabalho de refinação e desenvolvimentos futuros em Sines e deste modo, descontinuar a refinação em Matosinhos. A descontinuação da refinaria, tem como consequência o despedimento coletivo de cerca 150 trabalhadores. “Fomos [comissão de trabalhadores] mandatados para levar a cabo qualquer iniciativa na defesa intransigente dos postos de trabalho”, explicou à Lusa, o dirigente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente (SITE) do Norte e da comissão de trabalhadores, Telmo Silva. A Galp justificou a decisão de encerramento da refinaria…

Ler mais

Estágios renumerados no Parlamento Europeu com 428 vagas

As candidaturas para o programa de Estágios Schuman, do Parlamento Europeu estão abertas até 30 de junho. Todos os estágios são renumerados, com uma bolsa mensal de cerca de 1300 euros. Os Estágios Schuman realizam-se durante o período entre outubro e fevereiro de 2022, com a possibilidade de serem feitos em vários serviços do Parlamento Europeu, em 33 cidades da União Europeia [UE], a contar com apenas uma vaga em Lisboa. Ao todo, existem 428 vagas disponíveis nas áreas da Comunicação (131), Emprego (9), Economia e Finanças (9), Infra-estruturas e…

Ler mais

Teletrabalho deixa de ser obrigatório dia 14 de junho

Com a entrada em vigor da nova fase de desconfinamento, o teletrabalho deixa de ser obrigatório a partir de 14 de junho, anunciado por António Costa, esta quarta feira. Assim sendo, o teletrabalho deixa de ser uma obrigatoriedade, contudo é recomendando sempre que possível, afirmou o primeiro-ministro. O PM evidenciou que caso o cenário atual piore, e a taxa de incidência aumente, o teletrabalho poderá voltar a ser obrigatório.

Ler mais

PCP exige ao Governo “aumento geral dos salários como emergência nacional”

O PCP acusou hoje o Governo de ter desperdiçado as oportunidades para responder às necessidades dos trabalhadores e reclamou “um aumento geral dos salários como emergência nacional”. Jerónimo de Sousa, secretário-geral e deputado dos comunistas, deixou estas críticas ao PS e uma espécie de caderno reivindicativo ao executivo liderado por António Costa num discurso sobre direitos dos trabalhadores. O PCP, afirmou Jerónimo, “não aceita e combate” as opções do PS para a recuperação económica e exige “o aumento geral dos salários como emergência nacional, a valorização das carreiras e profissões e…

Ler mais

Bosch entra em ‘lay-off’ devido à escassez de semicondutores

A Bosch em Braga, anunciou hoje, que a partir de segunda-feira vai entrar em ‘lay-off’ devido à escassez de semicondutores, garantindo a retribuição “de 85% do rendimento ilíquido mensal” dos trabalhadores afetados. Em comunicado, a Bosch Car Multimedia Portugal, disse que esta medida vai abranger os colaboradores da área de produção e de áreas de apoio, no período de 10 de maio a 9 de junho deste ano. “Procurando minorar o impacto desta medida na vida dos colaboradores e suas famílias, a Bosch irá garatir a retribuição de 85% do…

Ler mais

Enfermeiros com “contrato covid” manifestam-se no Hospital Padre Américo

Esta terça-feira, um grupo de enfermeiros do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa, em Penafiel, manifestaram-se contra a precariedade dos seus contratos de trabalho.  Em frente ao Hospital Padre Américo, os profissionais de saúde protestam por estarem na eminência de serem despedidos, com o término dos “contratos covid-19” à vista. “Estamos aqui para fazer uma denúncia do possível despedimento destes enfermeiros, já houve alguns colegas que receberam a carta. É inaceitável que não haja autorização por parte do Governo para a vinculação destes 104 enfermeiros” afirmou Fátima Monteiro, enfermeira e…

Ler mais

Desemprego no distrito do Porto tem subida acentuada em período de pandemia

De acordo com os dados mais recentes do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), referentes a Março de 2021, o número de inscritos nos Centros de Emprego reflecte uma acentuada subida ao longo do período da pandemia.  Comparando os números de Março deste ano com os de Fevereiro de 2020, último mês em que a actividade económica se pode considerar normal, as diferenças são avassaladoras.  O quadro que apresentamos inclui os inscritos nos centros de emprego dos concelhos do distrito do Porto, no mês de Março de 2021, assim como os de Fevereiro deste ano e os de Fevereiro de 2020. …

Ler mais

Câmara do Porto assinala Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho

No Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho que se assinala esta quarta-feira, 28 de abril, a Câmara do Porto destaca a efeméride para reforçar juntos dos seus 3 mil colaboradores as medidas de segurança individuais a tomar em contexto pandémico. Foi, portanto, distribuído a todos os trabalhadores um frasco de álcool-gel, servindo a iniciativa para relembrar todos os comportamentos socias a adotar em contexto da pandemia provocada pela Covid-19. O Dia Mundial de Segurança e Saúde no Trabalho, este ano como mote “Antecipar, preparar e responder a crises…

Ler mais

Fábrica Iberodye fecha e 52 pessoas ficam no desemprego

Os trabalhadores da empresa de Vila do Conde têm dois meses de salários em atraso e foram obrigados a acionar o Fundo de Garantia Salarial. A Iberodye apresentou insolvência, o que fez com que 52 trabalhadores fossem para o desemprego. Saem com dois meses de salários em atraso e vão, agora, recorrer ao Fundo de Garantia Salarial. Afogada em dívidas, a tinturaria de fios e malhas, sedeada em Macieira da Maia, Vila do Conde, estava há mais de um ano em dificuldades. “Desde que a pandemia começou que a situação…

Ler mais

Pescadores param às 0 horas da próxima quarta-feira

Os pescadores de Viana à Figueira da Foz vão parar os barcos a partir da meia-noite de terça-feira.  Queixam-se de “perseguição” por parte da Unidade de Controlo Costeiro da GNR e dizem que estão a ser multados por “lacunas” do governo. Reuniram-se todos no Porto da Póvoa de Varzim numa manifestação. O barco, com o nome do mestre, pesca em Matosinhos e numa semana, foi fiscalizado duas vezes. Têm contrato de trabalho, visto laboral, mas estão inscritos como “não marítimos” ou seja, não podem trabalhar. O problema começou há três…

Ler mais