OMS estima que o número real de mortes seja até 3 vezes superior aos registos oficiais

Numa notícia avançada pela Reuters, esta sexta-feira, a Organização Mundial de Saúde (OMS) estimou que o número global de mortes por COVID-19 seja duas a três vezes superior às estatísticas oficias, fixando-se entre os seis a oito milhões.

Atualmente, os registos oficiais apontam para cerca de 3,4 milhões de vítimas mortais causadas pela pandemia COVID-19, no entanto, segundo a OMS, os números podem ser substancialmente superiores.

“Este número deve ser duas a três vezes superior. Portanto, acho que, com segurança, podemos estimar que entre seis a oito milhões de mortes possam ter sido causadas pelo COVID-19” no mundo, disse Samira Asma, Subdiretora Geral da OMS, em conferência de imprensa.

William Msemburi, analista de dados da OMS, informou que esta estimativa inclui tanto as mortes por COVID-19, como as mortes indiretas por falta de capacidade hospitalar e restrições aos movimentos, entre outros fatores.

Na apresentação do seu relatório anual de Estatísticas da Saúde Mundial, a OMS estimou ainda que o total de mortes causadas pela pandemia, durante o ano de 2020, tenha sido pelo menos três milhões e não os 1,2 milhões, como relatam as estatísticas oficiais.

FONTE: Multinews

Notícias relacionadas