Jovem de 17 anos morre engasgado na escola em Espinho

Um jovem de 17 anos, aluno na escola EB 2,3 Sá Couto, em Espinho, morreu engasgado, esta quarta-feira, ao final da manhã.

O aluno estava a almoçar na cantina da escola, quando se engasgou e entrou em paragem cardiorrespiratória.

Segundo o que foi apurado, o jovem tinha uma deficiência motora.

Os Bombeiros do Concelho de Espinho e equipa da VMER estiveram no local, mas o aluno acabou por morrer.

O corpo foi levado para o gabinete do Instituto de Medicina legal da Feira

Notícias relacionadas