Livraria do Porto recebe carta de desocupação mas recusa sair em pandemia

A livraria Poetria, localizada nas Galerias Lumière do Porto construídas nos anos 70, voltou a ser notificada para “desocupar” aquele espaço até esta próxima sexta-feira, mas os donos tornaram a recusar abandonar a loja em tempos de pandemia. Numa carta enviada aos donos da livraria Poetria pela Imocpcis — Empreendimentos Imobiliários, à qual a agência Lusa teve hoje acesso, pode ler-se que os donos das Galerias Lumière, que pretendem vender o imóvel para a construção dum hotel, pedem a “entrega da loja, livre de pessoas e bens, no prazo impreterível…

Ler mais