“Não sendo tempo de bairrismo, é tempo de verdade” – Rui Moreira deixa críticas ao Governo

O presidente da Câmara do Porto insurgiu-se contra a exclusão do Porto do programa de rastreios do Governo, anunciado no domingo na SIC por Marques Mendes.

Segundo o comentador da SIC, os rastreios em lares de idosos começam esta segunda-feira em Lisboa, Évora, Guarda, Aveiro e Algarve, mas não no Porto. A medida deverá chegar a todo o país nos próximos 15 dias.

Rui Moreira diz que esse trabalho já começou no distrito, por iniciativa da câmara com o apoio dos hospitais e centros de saúde. O Porto concentra cinco dos seis municípios do país com mais mortes e casos confirmados da Covid-19.

Rui Moreira diz no Facebook que “não sendo este um tempo de bairrismo, é tempo de verdade” e exorta o Executivo “a disponibilizar de imediato e com prioridade atendível, os meios que afirma ter disponíveis” para as zonas que mais precisam.

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas