Queima das Fitas: A Polícia Judiciária descartou a existência de crimes de abuso sexual

A Polícia Judiciária descartou a existência de crimes de abuso sexual nos casos dos dois jovens filmados num autocarro, na Queima das Fitas do Porto, e das imagens de uma mulher seminua nos festejos académicos de Braga que circularam na Internet em maio passado. Emissão em Direto: Em investigação continuam os crimes de gravação ilícita e devassa da vida privada, dado que os vídeos foram gravados e postos a circular sem autorização. Os autores ainda não foram identificados. Segue-nos…

Ler mais