OMS alerta que o número de novos casos de COVID-19 quase duplicou globalmente

O diretor da Organização Mundial de Saúde (OMS), alertou para os acontecimentos dos últimos dois meses, onde o número de novos casos semanais de COVID-19 quase que duplicaram a nível global, estando a aproximar-se do valor mais alto registado desde o início da pandemia.

Tedros Adhanom Ghebreyesus, Diretor da OMS, numa conferência de impressa, focada sobretudo na Papua Nova Guiné e na região oeste do Pacífico, revelou, segundo o Executive Digest, que “o número de casos e mortes por COVID-19 continuam a aumentar, registando valores preocupantes.

“Alguns países que antes evitavam a transmissão generalizada do COVID-19 agora estão a reportar um aumento acentuado na infeções”.

A OMS revelou que, na semana que terminou a 11 de abril, os casos globais aumentaram 11% em comparação com a semana anterior. Onde o número de casos aumentou em quase todas regiões, com surtos mais preocupantes no Brasil, Índia, Polónia e Turquia.

Analisa-se que a causa para o aumento no número de infeções poderá haver com o início da ‘fadiga pandémica’, onde as autoridades começam a aliviar as restrições para também não sufocar a economia, outros pela disseminação de novas variantes mais contagiosas.

Tedros diz estar especialmente preocupado com a possibilidade de a pandemia atingir uma escala muito maior nas regiões africanas, afirmando assim como é fundamental estes países receberem vacinas contra o COVID-19, o mais rápido possível.

Segunda o website da OMS, globalmente estão 137 866 311 casos de COVID-19 confirmados, com infelizmente 2 965 707 mortes, sendo que 734 121 870 doses de vacinas já foram administradas. Na Europa estão 48 473 383 casos confirmados.

Para mais informações, visitar: https://www.who.int/

FONTE: Executive Digest

Notícias relacionadas