Veleiro português apreendido com duas toneladas de haxixe no Brasil

A Polícia Federal brasileira capturou um veleiro português em alto mar, com duas toneladas de haxixe, a maior apreensão histórica do país, afirmaram hoje as autoridades brasileiras.

O veleiro foi intercetado na noite de quarta-feira em águas atlânticas , a cerca de 426 quilómetros da costa de Recife, a capital do estado nordestino de Pernambuco, por um navio patrulha oceânica da Marinha do Brasil.

A Polícia Federal afirmou através de um comunicado que “a droga ainda será pesada (à chegada ao porto de Recife), mas estima-se que exceda duas toneladas de haxixe, o que, a confirmar-se, colocaria a apreensão entre as maiores desta substância da história”.

As autoridades brasileiras explicaram que o haxixe encontrado no veleiro foi feito a partir de tricomas de Cannabis (pêlos de plantas) e tem alta concentração de THC (Tetra-hidrocanabinol).

Os dois tripulantes do veleiro de Portugal foram detidos e serão acusados por tráfico internacional de droga.

Notícias relacionadas