Homem não cumpre ordem de confinamento obrigatório e acaba detido

Um homem de 57 anos, no âmbito das restrições para a Páscoa, não cumpre a ordem de confinamento obrigatório e, na quinta-feira, é detido pela GNR por circular na rua no concelho de Cinfães, distrito de Viseu. O caso segue para julgamento.

O tenente-coronel Adriano Resende, oficial de relações públicas do Comando Territorial de Viseu da GNR, esclareceu que “o detido foi acompanhado ao seu domicílio e agora o processo segue para o Tribunal Judicial de Cinfães. É um crime e vai ser julgado por um crime de desobediência”. Afirmou também que o indivíduo “foi cooperante” e “não ofereceu resistência” no momento em que os militares da GNR o detiveram e encaminharam para a sua residência.

A detenção decorreu durante uma ação de patrulhamento para a verificação do dever de confinamento obrigatório e os militares verificaram que o suspeito se tinha ausentado do domicílio, tendo sido localizado a andar na rua.

A GNR relembra que permanecem em confinamento obrigatório, no respetivo domicílio ou noutro local definido pelas autoridades de saúde, todos os doentes com covid-19, os infetados com SARS-CoV-2 e os cidadãos a quem a autoridade de saúde ou outros profissionais de saúde tenham determinado vigilância ativa.

FONTE. Porto Canal

Notícias relacionadas