Parques aquáticos reabrem e é permitida diversão itinerante na próxima fase do desconfinamento

Após uma reunião do Conselho de Ministros, Mariana Vieira da Silva afirmou, em conferência de imprensa, que a situação de calamidade no continente vai ser prolongada até 30 de maio (o atual período de vigência termina no domingo).

“Para todos os concelhos que estiverem no nível maior de desconfinamento – e que são, como veem, quase todos -, a possibilidade de entrada em atividade dos itinerantes de diversão, dos parques infantis que não os públicos, que já tinham aberto há 15 dias, e dos parques aquáticos”, explicou.

A reabertura das atividades agora permitidas nos municípios mais avançados no plano de desconfinamento tem sido reivindicada pelos empresários destes setores.

Notícias relacionadas