Cartaz Cultural da cidade do Porto

O Cartaz Cultural desta semana inicia-se com o evento:

  • Alexandre Santos convida Joel Ricardo Santos, no Super Bock Arena, pelas 21 horas do dia 22 de setembro. Este evento tem um valor de 10 euros.

Trata-se de mais um evento da “Comedy Club” que estará entre os meses de setembro e outubro, com bastante humor à mistura, no Pavilhão Rosa Mota.

  • Ainda no dia 22, João Gil sobe ao palco da Casa da Música acompanhado de Tatanka, vocalista dos The Black Mamba. Este concerto acontece pelas 21 horas, tem um valor de 15 euros e está classificado para maiores de 6 anos.

João Gil leva o espetáculo “Caixa de Luz” ao Porto ao longo de 5 dias e com bastantes convidados. Para além do convidado apresentado para o concerto de dia 22, João Gil convida ainda Tiago Nacarato (no dia 23 de setembro), Pedro Abrunhosa (no dia 24 de setembro), Vozes da Rádio e Maria Mendes (no dia 25 de setembro) e Miguel Araújo (no dia 26 de setembro). Todos os concertos são às 21horas e têm um valor de 15 euros. “Caixa de Luz” é, também, uma experiência visual, com assinatura da artista plástica Ana Mesquita.

  • A partir do dia 23 de setembro pode assistir, nos cinemas portuguesas, à competição mais importante do “Motelx” que continua a apostar em revelar novos talentos do emergente terror nacional. Desta vez vai poder assistir a “O Nosso Reino”, “Sombra”, “Por um Punhado de Trocos”, “Cabra Cega”, “Os Abismos da Alma” e “Misericórdia”.
  • Passando para o dia 23 de setembro, o Hotel M.Ou.Co volta a receber música, desta vez com “This is not Indie Music”, pelas 21h30. O seu preço é de 15 euros e está classificado para maiores de 6 anos.

Este espetáculo junta 4 dos mais criativos músicos portugueses da cena improvisada portuguesa. Os backgrounds passam pelo jazz, rock e eletrónica, mas o que os une é muito mais simples: a música que fazem é incategorizável. Não há regras ou limites e a única coisa que têm a certeza é que vai haver som e bastante ritmo para animar a noite.

  • Os dias 23 e 24 de setembro reservam ainda “Susana Domingos Gaspar – Classe do Jaime”, no auditório Campo Alegre pelas 19h30 no dia 23 de setembro e pelas 21 horas no dia 24. O preço deste evento é de 9 euros e está classificado para maiores de 12 anos.

O descrédito na vida política, o afastamento do sensível e dos corpos, do poderio reforçado da tecnologia, das urgências climáticas, a desorientação social e o esvaziamento do espaço público são factos que disputam o quotidiano das cidades. O MEXE – Encontro Internacional de Arte e Comunidade vai para a sua 6ª edição e tem como tema principal o risco. Este espetáculo concretiza o desejo de arriscar no cruzamento de mundos que, muitas vezes, parecem distantes.

  • O Teatro Sá da Bandeira recebe “Teremos sempre Stand-up” pelas 21 horas, no dia 23 de setembro. O seu preço varia entre os 14 e os 25 euros.

Uma noite de stand up para esquecer os tempos que vivemos, com Luana do Bem, Pedro Durão, Guilherme Duarte e Salvador Martinho.

  • Ainda dentro da comédia, mas já no dia 24 de setembro e ainda no Teatro Sá da Bandeira, pode assistir a “Rúben Branco e convidados” pelas 21 horas. O seu preço é de 10 euros e está classificado para maiores de 16 anos.

Duas noites de humor para poder assistir em dias distintos, mas com nomes já bastante marcados neste género de espetáculo.

  • Os dias 24 e 25 de setembro conta com “Compagnie Maguy Marin” pelas 19 horas no Rivoli. Este evento tem um valor de 12 euros e está classificado para maiores de 12 anos.

Um espetáculo pensado como sendo um contexto com regras próprias, que emprega uma encenação com portas e espelhos, aberturas e fechamentos, que estruturam a nossa visão mais fogaz. Neste quadro que é projetado pelo som de três guitarras, corpos em movimento vão deslocar-se e desaparecer e embarcam em instantes da vida quotidiana.

  • “A Ratoeira” chega também ao Coliseu do Porto nos dias 24 e 25 de setembro pelas 20 horas. O seu preço varia entre os 27 e os 150 euros e está classificado para maiores de 12 anos.

Este é um espetáculo já adiado anteriormente devido à pandemia da Covid-19 e, por isso mesmo, os bilhetes adquiridos para o dia 26 de março são válidos para o dia 24 de setembro e do dia 27 de março, são válidos para o dia 25 de setembro.

Neste espetáculo vai assistir á história de um jovem casal que converteu uma casa de campo num pequeno hotel, iniciando um negócio hoteleiro, mas que vive com dificuldades financeiras. Certa noite, devido a uma tempestade, o hotel fica isolado, até que chega um detetive chamado Trotter, pronto para ajudar. Mas será que tudo vai ser assim tão fácil de se resolver? É o que vai descobrir neste espetáculo.

  • Ainda no dia 24 de setembro pode assistir a “Cantos do Norte”, pelas 19h30 na Casa da Música. Este evento tem um preço de 10 euros e está classificado para maiores de 6 anos.

Trata-se de mais uma noite na companhia da Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, que reservam momentos surpreendentes para este concerto.

  • Passando para o dia 25 de setembro tem “Histórias da Dança” a decorrer das 17h às 18 horas, via zoom, no site do Rivoli.

Há quem diga que necessitamos de um manual de instruções para melhor entender um espetáculo de dança contemporânea. Nesta sessão, cada um vai criar o seu próprio manual, a sua própria história da dança.

  • “Palcos instáveis com exposição contemporânea Givone” estará pelas 21 horas do dia 25 de setembro no Campo Alegre e pelas 17 horas, online, no dia 3 de outubro. O seu preço é de 7 euros para a sessão presencial e de 3,50 euros para a sessão online e está classificado para maiores de 12 anos.

Esta exposição é um trabalho sobre um corpo em transformação. Um estado transitório e frágil como os trabalhos de gesso. O ser humano em transformação como uma obra por acabar.

  • A terminar o dia 25 de setembro “Festim na Babilónia” estará na Casa da Música peças 18 horas. O seu preço é de 10 euros e está classificado para maiores de 6 anos.

A orquestra barroca entrega-se ao vinho e à música, com as mais variadas referências a esta bebida com muitos anos de história.

  • O dia 26 de setembro reserva “Selva Sinfónica” na Casa da Música pelas 10h30 e 15 horas. O seu preço é de 10 euros (bilhete adulto e criança) e de 7,50 euros (Segundo acompanhante).

Uma oficina onde a parte sensorial está bastante presente para novas descobertas dos mais pequenos. Vão conhecer melodias de bichos e músicas sobre animais. Para este espetáculo deve fazer-se acompanhar de um saco plástico, uma maraca, folha de jornal, lenço, molho de chaves e uma lanterna.

  • No dia 26 pode assistir ainda a “Peer Gynt” na Casa da Música pelas 12 horas. O seu preço é de 6 euros e está classificado para maiores de 6 anos.

A história que mistura o folclore norueguês, a exuberância dos contos de fadas e uma dimensão moral e filosófica. Conta a saga de um camponês que é enviado para o exílio e viaja por países exóticos. Regressa muito tempo depois para se encontrar com o sentido da vida e de paz.

  • Passando para o dia 28 de setembro pode assistir a um concerto de fados, pela voz de “Beatriz Felício”, pelas 19h30 na Casa da Música. Este concerto cantado pela voz de novos talentos do fado tem um valor de 6 euros e está também classificado para maiores de 6 anos.
  • No dia 28 de setembro pode assistir ainda ao evento “Do Acontecimento – José Bragança Miranda”, pelas 18h30 no Rivoli. A sua entrada é gratuita.

Numa época do cálculo, da regra e da prevenção surge o inesperado. A ideia de acontecimento tem vindo a impor-se para dar conta de forças que excedem as formas históricas.

  • A terminar o Cartaz Cultural desta semana “Clubes de Teatro – Viagens pela nossa Terra”, no Teatro Nacional São João. Este evento decorre de 28 de setembro a 14 de dezembro entre as 19horas e as 21 horas. E recebe pessoas desde os 18 aos 88 anos.

Em outubro abrem.se novos ciclos de trabalho para os clubes de teatro sub-18 e sub-88. Com a viagem e a dramaturgia portuguesa como inspiração, “viagens à nossa terra” fará da obra dramática de Bernardo Santareno a sua escala de partida.

Notícias relacionadas