Greve da CP no Porto causa perturbações

Impacto previsto entre as 00h00 e as 12h00.

Na passada sexta-feira, a Comboios de Portugal alertou para possíveis perturbações nos urbanos do Porto na manhã desta segunda-feira, devido a uma greve parcial que não terá serviços mínimos.

“Por motivo de greve parcial convocada por uma Organização Sindical, para o período compreendido entre as 05h00 e as 08h30 de dia 23 de maio de 2022 [segunda-feira], podem ocorrer perturbações significativas na circulação dos comboios urbanos do Porto, com impacto previsto entre as 00h00 e as 12h00”, divulgou a empresa.

O sindicato, que na CP representa a maioria dos trabalhadores do serviço comercial e transporte (revisores, trabalhadores das bilheteiras e as suas chefias diretas), considerou que o aumento de 0,9% da tabela salarial não é “um valor aceitável” face a contínua perda de poder de compra, “algo que já acontece desde 2019”.

Os trabalhadores da CP fizeram na segunda-feira uma greve de 24 horas, para reivindicar aumentos salariais de 90 euros para todos os trabalhadores.

Notícias relacionadas