Bolas de Berlim foram oferecidas na Avenida dos Aliados

UE distribuiu bolas de Berlim para sensibilizar sobre mitos da Europa

A representação da Comissão Europeia em Portugal esteve esta quarta feira de manhã a oferecer bolas de Berlim à frente da Câmara Municipal do Porto, com o intuito de esclarecer a população acerca de mitos sobre a União Europeia.

A iniciativa de sensibilização, denominada “Bolas de Bruxelas”, é inspirada no mito «a UE proibiu a venda de bolas de Berlim com creme». No entanto, existem outros bastante generalizados como “O YouTube vai acabar?” ou “A União Europeia proibiu o brinde no Bolo-Rei?”.

No local onde estiveram a ser oferecidas as bolas, estiveram membros representantes da Comissão Europeia a negar mitos como estes e a transmitir informação legítima sobre o projeto Europeu. Esta foi a segunda ação da iniciativa «Bolas de Bruxelas», sendo que a primeira aconteceu em Lisboa no verão.

A campanha é apenas uma das várias ações da Representação da Comissão Europeia em Portugal na luta contra as fake news e a iliteracia mediática. Para além de ter esse propósito, a “Bolas de Bruxelas” ganhou especial relevância pois faltam dois meses para as Eleições Europeias, nas quais é fundamental que os cidadãos votem de forma informada e responsável.

No último inquérito Eurobarómetro, 83% das pessoas entrevistadas afirmaram que as notícias falsas são um perigo para a democracia.

O inquérito realçou ainda a importância de órgãos de comunicação de qualidade, sendo que a maioria dos inquiridos é da opinião que os média tradicionais são a fonte noticiosa mais fiável, enquanto que os jornais online e websites de vídeo são as fontes de informação que inspiram menos confiança.

Autor do artigo: Matilde Durães

PUB - Suscreve o nosso canal Youtube e ativa as notificações 👇

Notícias relacionadas