Novo Parque Botânico do Porto

O novo Parque Botânico do Campo Alegre integra os jardins da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), o Jardim da casa Primo Madeira e o Jardim Botânico da Universidade do Porto.

O projeto veio dar uma nova vida aos jardins que compõem a zona do Campo Alegre e foi coordenado pela FCUP. A responsabilidade científica esteve a cargo de Paulo Farinha Marques, diretor do Jardim Botânico do Porto.

Existiram ações de plantação, de erradicação de espécies invasoras, de construção de elementos de sinalética, e procedimentos de manutenção da estrutura verde.

Ao todo, são cerca de 500 as espécies identificadas que compõem os espaços verdes da Faculdade de Ciências da U.Porto e 1.500 as espécies do Jardim Botânico.

O projeto foi executado no final do ano de 2020, e correspondeu a um investimento superior a 63,5 mil euros.

Notícias relacionadas