PSP detém suspeito de roubar telemóvel no Porto sob ameaça e coação física

Um estudante de 21 anos foi intercetado e detido na passada quinta-feira, na rua Daniel Constant, no Porto, por suspeita de roubar um telemóvel sob ameaça e coação física, anunciou hoje a PSP.

Fonte das relações públicas da PSP do Porto adiantou à Lusa que o caso começou quando a vítima colocou o telemóvel à venda nas redes sociais.

“Um amigo do suspeito detido combinou um encontro na rua Daniel Constant, no Porto, para fazer o negócio, mas o indivíduo interessado queria pegar no telemóvel para dentro da residência alegando que queria mostrar ao pai para validar a compra”, mas a vítima não concordou por suspeitar que se poderia tratar de “tentativa de burla”.

Segundo a PSP foi depois dessa recusa em permitir levar o telemóvel para mostrar ao pai, que surgiu um terceiro indivíduo que roubou o telemóvel à vítima.

Foi feita a denuncia e a PSP intercetou o suspeito e o telemóvel.

“Efetuadas diligências policiais junto da artéria supracitada foi possível intercetar o acima identificado na posse de um telemóvel, que sob ameaça e coação física havia subtraído à vítima. O objeto subtraído foi entregue ao seu legítimo proprietário”, lê-se no comunicado da PSP.

O detido vai ser hoje presente às autoridades judiciárias.

Por LUSA

Notícias relacionadas